Dirce Carneiro por Diana Gonçalves
Pensamentos... palavras e poesia... em ação...querendo alçar voo, em mutação...
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Prêmios Livro de Visitas Contato Links
REENCONTRO 
 
Tinha se afastado dela. Inocente, ingênua (depois soube que era esse o nome), leve, impressão de passear pela vida.
Passou o tempo, o mundo apresentou-a para a realidade como ela é.
Seres humanos são surpreendentes na bondade, na vileza...
Viver aprende-se vivendo e vida é escola até ao apagar das luzes...
Na Avenida Existir lembrou-se dela. Em que momento, em que lugar teria deixado aquela, de sorriso fácil, leve, que passeava pelos dias?
Olhou dentro de si. Ela ainda estava ali. Depois de muitas pedras no caminho, procura andar com cuidado, mas aprendeu que a essência permanece.
DIANA GONÇALVES
Enviado por DIANA GONÇALVES em 09/04/2020
Comentários